Por que nos vestimos?

photo: bengal*foam

“E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher; e não se envergonhavam.”  (Gênesis 2 : 25)

“Então foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam nus; e coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais.”  (Gênesis 3 : 7)

“E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me.

E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses?”  (Gênesis 3 : 10,11)

“E fez o SENHOR Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e os vestiu.”  (Gênesis 3 : 21)

Muitas pessoas afirmam que o fato de Deus ter feito roupas para Adão e Eva seja uma prova bíblica de que as pessoas devam se vestir e que não se vestir seria um pecado, mas esse assunto não é tão simples.

Em primeiro lugar, devemos lembrar que Deus criou Adão e Eva nus e nunca disse que deveriam se vestir antes que pecassem.Não há referência bíblica que diga que a nudez em si seja pecado.

É um erro achar também que a nudez não fosse pecado porque o homem e a mulher ainda fossem “inocentes como crianças”(hoje em dia sabemos que crianças não são tão inocentes assim) e não viam maldade na nudez por não conhecerem o sexo.

Antes do pecado, Deus manda que eles se reproduzam e não seria por clonagem…

“E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.”  (Gênesis 1 : 28)

Logo, Adão e Eva conheciam o sexo, mas não conheciam a tal “nudez”…

Ao comer do fruto, o texto diz que perceberam que estavam nus.Mas o que isso quer dizer?Que diferença faz saber isso?E por que, ao perceber que estavam nus, tentaram se cobrir?Quem lhes disse que deviam cubrir a nudez a partir do momento em que a notassem?

Creio que o que aconteceu foi que o homem e a mulher se sentiram culpados após desobedecer ao mandamento divino e, não sabendo como lidar com isso, acharam que o problema estava na nudez.

O problema não era a nudez, nunca foi.Apenas foi uma confusão.

Eles perceberam estar em pecado mas traduziram como “estamos nus”.
Tentaram se esconder de Deus fazendo para si roupas de folhas, como quem tenta se redimir de um erro, fazendo uma boa ação que esconda a má.

Sabendo Deus que a única forma deles se sentirem mais tranquilos novamente, seria falar segundo a simbologia que a mente deles havia criado, matou um animal e os cobriu com uma roupa de peles, já simbolizando também que para o pecado deles ser realmente apagado diante de Deus seria necessário a morte de um inocente no lugar deles.

Talvez tenha sido isso o que originalmente aconteceu, mas aí o tempo passou, a tradição das roupas continuou na maioria dos lugares e as pessoas se acostumaram a andar sempre vestidas, mesmo quando não haja utilidade nisso.

Acostumadas a andar sempre vestidas, acostumaram-se a associar nudez a vulgaridade, erotismo e sensualidade e a achar que é impossível o mundo viver nu sem se tornar uma orgia global.

Alguns escaparam desse pensamento e hoje temos a chance de ver que as coisas podem ser diferentes, que pessoas podem estar nuas e juntas sem desrespeitarem umas às outras conhecendo locais naturistas e seus praticantes.

Quem é de Deus não passa fome?

fome

“Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua semente a mendigar o pão.”  (Salmos 37 : 25)

“O SENHOR não deixa o justo passar fome, mas rechaça a aspiração dos perversos.”  (Provérbios 10 : 3)

Eu creio que a crença mais sútil na teologia da prosperidade seja a que diz que Deus não deixará seus servos passarem fome.
Eu acredito que Davi e Salomão fossem sábios, mas também creio que eles ou quiseram dizer outra coisa ou então erraram nas suas declarações acima(talvez Davi não tenha visto o suficiente em sua vida toda).
Por que creio nisso?Ora, é só observar o restante da Bíblia(para quem ainda não tem discernimento para conseguir enxergar isso na vida) e qualquer um vê que o justo não tem que necessariamente ser poupado  de dificuldade alguma.
Jesus diz que a chuva (torres também) cai sobre justos e injustos.

“Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.”  (Mateus 5 : 45)

“E aqueles dezoito, sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, cuidais que foram mais culpados do que todos quantos homens habitam em Jerusalém?”  (Lucas 13 : 4)

Jesus também fala de um mendigo que foi levado ao seio de Abraão: Lázaro.

“Havia também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele;

e desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas.

E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão;”  (Lucas 16 : 20-22)

Paulo diz diversas vezes que em alguns momentos passava fome e dava a entender que fome fosse algo que pudesse atingir a qualquer um:

“Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?”  (Romanos 8 : 35)

“Até esta presente hora sofremos fome, e sede, e estamos nus, e recebemos bofetadas, e não temos pousada certa,”  (I Coríntios 4 : 11)

“Em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez.”  (II Coríntios 11 : 27)

E quanto às aves do céu?

Nesse momento alguém poderia perguntar:Como ficam as promessas de Jesus de que Deus cuidaria de nós assim como cuida das aves do céu?

“Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?”  (Mateus 6 : 26)

Ora, ficam como ficam, mas quem te disse que aves nunca passam fome?
Eu acredito que quando Jesus falou que Deus nos alimentaria assim como alimenta as aves ele apenas estava dizendo que, na normalidade da vida, não passaríamos fome mas isso não quer dizer que não haja “dias maus”(ou lugares em que todo dia é mau) em que até aves sofram desse mal.
Só estaremos totalmente livres da fome no fim:

“Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles.”  (Apocalipse 7 : 16)

Gosta dos textos?Receba os próximos por e-mail: http://feedburner.google.com/fb/a/mailverify?uri=BlogdoRoberto&loc=pt_BR

Há verdades que não devem ser expostas

Mayita baño de tina
Creative Commons License photo credit: Toronja Azul

“O mexeriqueiro revela o segredo, mas o fiel de espírito o mantém em oculto.”  (Provérbios 11 : 13)

Gosto de assistir ao programa Nada Além da Verdade do SBT mas não acho seguro participar dele.

Isso porque o programa acaba sempre revelando algo que aos ouvidos de outros soará mal.

Alguém poderia perguntar:qual é o problema de determinada verdade vir a tona?

O problema é que nem todos estão preparados para ouvir certas verdades.

Um exemplo básico disso é que desde que nascemos recebemos a ordem de esconder uma de nossas verdades essenciais:nossa nudez.

Sim, pois, se fôssemos pessoas que prezássemos a verdade acima de tudo, andaríamos naquela que é a nossa aparência verdadeira; mas não o fazemos porque a maioria das pessoas não está pronta para vê-la.

Vestimo-nos por causa da fraqueza da maioria.

Mas esse texto não é sobre nudismo(no futuro espero escrever algo a respeito).

Só ilustrei como naturalmente cremos que certas verdades devem ser escondidas desde que isso seja para o bem de todos(ou da maioria).

Além disso, o Evangelho diz que devemos nos preocupar em não agir de modo que escandalizemos os fracos, mesmo que sejam minoria.

“Por isso, se a comida escandalizar a meu irmão, nunca mais comerei carne, para que meu irmão não se escandalize.”  (I Coríntios 8 : 13)

Quando eu creio que posso fazer algo mas me privo de fazê-lo, a fim de não escandalizar ao próximo, eu estou automaticamente escondendo determinada verdade minha dele porque ele não a pode suportar ainda.

Falar a verdade pode ser sempre licito, mas nem sempre nos convém.

Ter uma vida que seja como “um livro aberto” pode parecer bonito mas, na prática, traz muitos problemas no convívio com aqueles que não estão prontos para ouvir qualquer coisa.

Acredito que quem atinge certa maturidade na fé pode ouvir e ver de tudo(ou quase tudo) sem se escandalizar, mas a maioria não é assim…

Você se considera sincero?Faça o Teste de Sinceridade e depois comente o seu resultado aqui.