Os provérbios de Deus

“mas de mim Deus fez um provérbio para todos, um homem em cujo rosto os outros cospem. Jó 17:6

Agora, porém, sou a sua canção, e lhes sirvo de provérbio. Jó 30:9

Tu nos pões por provérbio entre os gentios, por movimento de cabeça entre os povos. Salmos 44:14

E serás por pasmo, por ditado, e por fábula, entre todos os povos a que o Senhor te levará. Deuteronômio 28:37

 

Provérbio no dicionário Michaelis

pro.vér.bio

sm (lat proverbiu) 1 Máxima breve e popular; adágio, anexim, ditado, rifão, sentença moral. 2 Pequena comédia que tem por entrecho o desenvolvimento de um provérbio.

Relendo o livro de Jó(provavelmente pela quinta vez), encontrei esse verso e o postei no meu perfil do Facebook, onde venho tentando mostrar, nos últimos dias,  através de trechos do livro de Jó que mesmo Deus sendo amor, Ele ainda é capaz de fazer com seus amados que alguns acham que ele jamais faria.Mais tarde pensei naquilo que Jó afirma: que Deus teria feito dele “um provérbio para todos”. Provavelmente essa é uma das justificativas para Deus causar ou permitir o sofrimento na Terra, mesmo com os “inocentes”. Deus usa o sofrimento de alguns como um provérbio, um ensinamento para todos.

É claro que poderia ser apenas algo dito por Jó num momento de dor, sem conexão com a realidade(para quem não acha que cada afirmação na Bíblia é inspirada) mas a verdade é que o sofrimento de alguns como tendo utilidade para outros é um tema que a Bíblia aborda constantemente, conforme exemplificado nos versos do começo desse post e em outros diversos.

Eu jogarei imundície sobre você, e a tratarei com desprezo; farei de você um exemplo. Naum 3:6

Porque me parece que Deus nos colocou a nós, os apóstolos, em último lugar, como condenados à morte. Temo-nos tornado um espetáculo para o mundo, tanto diante de anjos como de homens. 1 Coríntios 4:9

O sofrimento pode servir tanto para o crescimento da pessoa que sofre quanto para o crescimento de outras (não apenas como vingança, como muitos imaginam). Por isso é que mesmo uma pessoa ou ser que aparentemente não tem no que crescer (como crianças e animais) o sofrimento pode ser aplicado ou permitido por Deus.Todos nós provavelmente já fomos tocados e ensinados por exemplos de pessoas que passaram por grandes sofrimentos.

Pode parecer injustiça que alguém “inocente” tenha de sofrer para ensinar algo aos outros, ainda mais para pessoas que não são tão inocentes assim mas é algo que Deus faz e que acha aceitável, além de ser algo parecido com o que Cristo fez (Cristo não foi só um exemplo, mas também foi e aceitou sofrer tanto na morte quanto em vida por nós, pois não é moleza para Deus ter de viver como homem).

É claro que nem todos entendem a mensagem corretamente.Há quem entenda que se alguém sofre, sofre porque merece e esse foi o entendimento dos amigos de Jó.Provavelmente muitos dos que o viam como provérbio, diziam que era o exemplo do que acontece a um homem sem Deus, embora isso não fosse verdade.Paulo e outros apóstolos também foram mal interpretados por muitos no seu sofrimento:

Nós somos loucos por causa de Cristo, mas vocês são sensatos em Cristo! Nós somos fracos, mas vocês são fortes! Vocês são respeitados, mas nós somos desprezados!

Até agora estamos passando fome, sede e necessidade de roupas, estamos sendo tratados brutalmente, não temos residência certa e trabalhamos arduamente com nossas próprias mãos. Quando somos amaldiçoados, abençoamos; quando perseguidos, suportamos; quando caluniados, respondemos amavelmente. Até agora nos tornamos a escória da terra, o lixo do mundo.

1 Coríntios 4:10-13

Quantos ainda querem ser usados sabendo disso?Que Deus nos ajude a dormir com esse barulho.

Quem é de Deus não passa fome?

fome

“Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua semente a mendigar o pão.”  (Salmos 37 : 25)

“O SENHOR não deixa o justo passar fome, mas rechaça a aspiração dos perversos.”  (Provérbios 10 : 3)

Eu creio que a crença mais sútil na teologia da prosperidade seja a que diz que Deus não deixará seus servos passarem fome.
Eu acredito que Davi e Salomão fossem sábios, mas também creio que eles ou quiseram dizer outra coisa ou então erraram nas suas declarações acima(talvez Davi não tenha visto o suficiente em sua vida toda).
Por que creio nisso?Ora, é só observar o restante da Bíblia(para quem ainda não tem discernimento para conseguir enxergar isso na vida) e qualquer um vê que o justo não tem que necessariamente ser poupado  de dificuldade alguma.
Jesus diz que a chuva (torres também) cai sobre justos e injustos.

“Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.”  (Mateus 5 : 45)

“E aqueles dezoito, sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, cuidais que foram mais culpados do que todos quantos homens habitam em Jerusalém?”  (Lucas 13 : 4)

Jesus também fala de um mendigo que foi levado ao seio de Abraão: Lázaro.

“Havia também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele;

e desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas.

E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão;”  (Lucas 16 : 20-22)

Paulo diz diversas vezes que em alguns momentos passava fome e dava a entender que fome fosse algo que pudesse atingir a qualquer um:

“Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?”  (Romanos 8 : 35)

“Até esta presente hora sofremos fome, e sede, e estamos nus, e recebemos bofetadas, e não temos pousada certa,”  (I Coríntios 4 : 11)

“Em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez.”  (II Coríntios 11 : 27)

E quanto às aves do céu?

Nesse momento alguém poderia perguntar:Como ficam as promessas de Jesus de que Deus cuidaria de nós assim como cuida das aves do céu?

“Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?”  (Mateus 6 : 26)

Ora, ficam como ficam, mas quem te disse que aves nunca passam fome?
Eu acredito que quando Jesus falou que Deus nos alimentaria assim como alimenta as aves ele apenas estava dizendo que, na normalidade da vida, não passaríamos fome mas isso não quer dizer que não haja “dias maus”(ou lugares em que todo dia é mau) em que até aves sofram desse mal.
Só estaremos totalmente livres da fome no fim:

“Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles.”  (Apocalipse 7 : 16)

Gosta dos textos?Receba os próximos por e-mail: http://feedburner.google.com/fb/a/mailverify?uri=BlogdoRoberto&loc=pt_BR