O evangelho ensina a ordenação pastoral?

“Porque quem não é contra nós, é por nós.” (Marcos 9 : 40)

Em algumas igrejas, em especial a Assembléia de Deus, algumas pessoas veem a necessidade de ordenação para crerem que alguém que esteja desempenhando uma função seja mesmo escolhida de Deus para isso, porém essa visão não é a bíblica.

A ordenação não é má em si mesma, mas a verdade é que ela não torna ninguém pastor ou presbitero ou diácono ou qualquer outra coisa, mas apenas (na melhor das hipoteses) reconhece o dom que a pessoa já tinha e exercia.

Digo isto porque aquele que recebe o dom de Deus não necessita de aval de homem para fazer aquilo que tem condições de fazer.

Não há hierarquia na igreja, para que, ao fazer algo, se esteja passando por cima da autoridade de outra.

Para embasar biblicamente esses meus pensamentos cito dois casos:

Primeiro caso:

E, respondendo João, disse: Mestre, vimos um que em teu nome expulsava os demônios, e lho proibimos, porque não te segue conosco.
E Jesus lhes disse: Não o proibais, porque quem não é contra nós é por nós. (Lucas 9:49-50)

Aqui João começa argumentando que o homem não seguia com eles, que significava que não fazia parte do grupo, não recebia os mesmos ensinamentos, não frequentava os mesmos eventos e reuniões e não carregava o rótulo de “apóstolo de Jesus”.

Alguns versos antes, vemos que Jesus havia lhes dado autoridade para expulsar demônios, portanto parecia lógico aos discipulos que ele não poderia fazer isso e que somente eles podiam exercer essa função, porém Cristo simplesmente diz para deixá-lo em paz, pois ele estava do lado deles também, ainda que não no mesmo grupo.

Deus não se restringe a grupo algum e dá de graça os dons a quem quer, conforme sua vontade, para o bem de todos.

Aí já vemos que embora ele não fosse reconhecido pelo “ministério”, era reconhecido por Cristo.

Segundo caso:

… quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça, revelar seu Filho em mim, para que o pregasse entre os gentios, não consultei a carne nem o sangue, nem tornei a Jerusalém, a ter com os que já antes de mim eram apóstolos, mas parti para a Arábia, e voltei outra vez a Damasco.
Depois, passados três anos, fui a Jerusalém para ver a Pedro, e fiquei com ele quinze dias. (Galatas 1 :15-19)

O testemunho de Paulo também ilustra essa liberdade cristã de se exercer um dom sem precisar ser reconhecido, pois ele ao receber a revelação só foi se comunicar com os apóstolos três anos depois, sem ter consultado a eles sobre o que devia fazer, mas simplesmente indo fazer o que Deus lhe deu a fazer.

Alguns já veriam isso como passar por cima da autoridade dos outros apóstolos mais velhos, o que de novo entraria na questão da hierarquia

Vemos então que muitos conceitos evangélicos não estão de acordo com a simplicidade do evangelho.

Quem tem ouvidos que ouça. 😀

(Visited 125 times, 1 visits today)

7 comentários em “O evangelho ensina a ordenação pastoral?

  1. De fato a questão de ordenação a cargos na igreja muita das vezes é vista como um meio “separatista”.
    Há momentos em que é melhor não ter um cargo e fazer a obra do que ter um cargo e separar cada vez mais as pessoas dá igreja. Eu mesmo penso em não ter cargo dentro dá minha igreja, mas sim fazer o meu melhor pra trazer pessoas a casa do Pai.

  2. Concordo com vc., claro com algumas ressalvas pois, os dons são de Deus para o homem e, há muitos ordenados que pecebemos claramente que não tem a menor aptidão pra lida. como há outros dizendo-se pastores que não precisam de ordenação. como há os que não tem nomeação alguma e são verdadeiros ministros de DEUS!O perigo é que, há alguns tirando vantagem desta liberdade crinstã, fazendo disto seu próprio negócio! não esqueça: “Pelo fruto os conhecereis.” Um ABRAÇÃO!

  3. Olha, eu concordo em partes com a amiga acima. mas, olhando por outro lado realmente, é um problema bem grande. as vezes ficamos estaguinados e nao fazemos nada porque devemos pedir autorização de nossos “lideres espirituais” para fazermos qualquer coisa. Em 2007, comecei um projeto de evangelismo nas escolas do bairro onde moro, e não precisei perguntar de lideres maiores para fazer o evangelismo, mas, precisei das orações dos irmãos, isso quando eu estava em outro ministerio, passei sete anos lá, e gostei demais. Ma,s voltei novamente para a Assembleia de Deus, e o meu projeto, ficou na gaveta, porque os lideres não tem visão espiritual, suficiente para verem onde esta o proposito. Dai, onde fica o livre arbitrio, onde fica o ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura? Tudo bem que olhando por um lado, precisamos muitas vezes de um apoio ministerial, mas isso realmente, tem posto algumas dúvidas na cabeça de muitos cristãos. respeito todos os meus lideres, mas existem coisas que eles falam e fazem, que não é nem bom comentar, ficamos até desanimados, e entristecidos por causa disso. Creio que Deus fala através da sua palavra, e aquele que o busca realmente e quer viver uma vida em comunhão com ele não precisa ser entitulado alguma coisa para fazer isso ou aquilo. todos nós temos obrigação com nossos irmãos em Cristo Jesus, precisamos é abrir nossos olhos, e lermos mais a palavra de Deus, para entendermos os seus verdadeiros propositos. então, quando estivermos na glória com nosso Senhor, não seremos iguais, não louvaremos somente a ele, e porque aqui não podemos ser iguais também? infelizmente, o homem, a natureza humana, pecaminosa como é, entende tudo errado, e coloca-nos em situações desastrosas. Por exemplo, imagina aquela irmã do círculo de oração que tanto vive em comunhão com Jesus, e as vezes tem até um palavra de Deus para passar, e não tem oportunidade, porque o “fulando cheio de unção” é quem irá pregar, é quem irá dar a mensagem, e nem ele mesmo tem comunhão com o Pai, e muitas vezes, em vez de dar o bálsamo para sarar as feridas, em vez de refrigério e animo, dá gelo, cacetadas e profetadas, que pela misericordia de Deus, ainda há derramento de bençãos, porque se dependesse desse tipo de exposição da palavra, muitos já teriam ido embora das igrejas. Eu vejo assim, deve haver lá a colocação de fulano para isso ou para aquilo, mas nada impede que eu ou outro irmã(o), possam passar algo de Deus também. Eu poderia passar o dia todo aqui escrevendo sobre isso, pois tenho minha opinião formada sobre isso, porque meus líderes tem se tornado assim, sou assembleiana desde criança, passei sete anos em outro ministerio como eu disse antes, e depois que voltei para a assembleia tenho visto isso sempre e sempre. mas eu vou olhar para homens? lógico que não! Eu sei em quem tenho crido, e se alguém tiver que mudar minha opinião sobre algo que eu analiso segundo a palavra de Deus, será o espírito santo, que é o nosso consolador, ajudador e intercessor. Artigo interessante, e a ser discutido mais. Mas, vou parar por aqui, senão vai virar jornal. graça e paz!

  4. LIGIANE, PARA VOCÊ:

    Poema: EU TE FIZ PASTOR

    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SER SOBERBO, ARROGANTE, GANANCIOSO.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SE ALIMENTAR DA CARNE, DA GORDURA E DA LÃ DAS MINHAS OVELHAS.

    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SER PREPOTENTE.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA LUDIBRIAR A BOA FÉ DE MEUS PEQUENINOS.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SER SUPERIOR A NINGUÉM: “OS ÚLTIMOS, SERÃO OS PRIMEIROS”.

    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SER POLÍTICO, EMPRESÁRIO OU DOUTOR.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA TOMAR AS ECONOMIAS, A CASA, O VIGOR,E A ESPERANÇA DOS MEUS FILHOS;

    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA ARRANCAR ATÉ AS UNHAS DAS MINHAS OVELHAS (ZC 11:16).
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SE TORNAR EM ESCÂNDALO NA SOCIEDADE.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA SER UM ADÚLTERO.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA CONTAMINAR MEU REBANHO.
    TE FIZ PASTOR, NÃO PARA PREVARICAR CONTRA MIM (Jr 2.8).
    TE FIZ PASTOR PARA ABENÇOAR, NÃO PARA AMALDIÇOAR…

    EU !… EU MESMO, TE FIZ PASTOR.

    Amada irmã:

    Sou bacharel e mestre em teologia, há 5 (cinco) anos, e ainda não fui ordenado pastor. Deus me deu este poema, em 2005, no dia da minha formatura. Continuo fazendo a obra do Senhor, pois foi Ele quem me ungiu para pregar as boas novas do evangelho.

    Não fique esperando por homens, eles são assim mesmo. Ocorre, que não serão eles que irão prestar contas em seu lugar, será você, SOZINHA! Não cale, prossiga, varoa valente de Deus.

    profrubensmorais@gmail.com – Brasília-DF

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ CUIDE DAS MINHAS OVELHAS E
    NÃO AS DESTRUA, AS DISPERSE (Jr 23.1).

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ SEJA NOBRE: MEU DIPLOMATA, MEU
    EMBAIXADOR NA FACE DA TERRA.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ SOCORRA OS POBRES, AS VIÚVAS,
    OS ÓRFÃOS, OS DESAMPARADOS, OS DESESPERANÇADOS E OS NECESSITADOS.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCE LIVRE MINHAS OVELHAS DA BOCA
    DO LEÃO; TANTO AS DUAS PERNAS COMO UM PEDACINHO DA ORELHA.
    (Am 3.12).

    TE FIZ PASTOR PARA VOCÊ SER CONSELHEIRO, AJUDADOR.

    TE FIZ PASTOR PARA VOCÊ SER FIEL, HONRADO, PROBO.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE O MUNDO VEJA EM VOCÊ, A MINHA GRAÇA,
    O MEU AMOR E A MINHA SALVAÇÃO.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ ENSINE COM PROPRIEDADE E FIDELIDADE.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ SOCORRA O MORIMBUNDO, QUE
    TAMBÉM É A MINHA IMAGEM E SEMELHANÇA.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ “PREGUE” E “VIVA” A MINHA PALAVRA.

    TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ DEIXE NOVENTA E NOVE OVELHAS NO APRISCO E VÁ EM BUSCA DE UMA ÚNICA, EXTRAVIADA.

    EU TE FIZ PASTOR PARA QUE VOCÊ CURE AS CHAGAS DO REBANHO.

    FIZ DE VOCÊ: “UM PASTOR!”, NÃO UM DESINFORMADO, UM ESTÚPIDO
    (JR 10:21).

    …AGORA, PORTANTO, APASCENTA MINHAS OVELHAS!

    EU!… EU MESMO, FIZ DE VOCÊ: UM PASTOR!

  5. Irmão Roberto,

    este é um assunto complicado, porém o irmão tem razão em sua colocação. a Bíbliaapresenta um principio, sobre ordenação em Atos 6, com escolha dos primeiros “diáconos “, vejo que a questão da ordenação pastoral deve seguir o seguinte critério.
    1º Como um pedido da igreja para verificar, o conhecimento do seu pastor ou líder. (não pode ser exigido como um mandamento bíblico, pois de fato não é).
    2º Um desejo do próprio pastor ou líder.
    3º Creio que Paulo em Tito e Timóteo é bem claro mostrando ali as qualificações dos líderes.

    sem mais deixo uma questão para ser comentada:

    Paulo foi Escolhido por Jesus, em Atos 9. Matias foi escolhido pelo apostolos usando ” sorte”. Quem é o 12º apostolo que livro de aposcalipse fala. o que foi escolhido pelos homens ou o que foi escolhido pelo Senhor.
    fique na paz!

  6. sabe eu tambem penso da mesma maneira acho que deus não tem escolha de ser humano todos nos samos filhos de deus sou da assembleia de deus mais ultimamente as coisas na igreja não ta me agradando muito parece que não estou em casa tudo mudou as pessoas estão se sentindo poderosas o pastor da honras a irmão quem tem honras e deus não temos muito louvor so fala em dinheiro vcs sabem que diz apalavra de deus ha daquele que fizer da sua casa um comercio deus quando pregou o seu evangelico não pediu na em troca apenas sua fidelidade e seu amor infelizmente essas coisas ta acontecendo nos templos apalavra de deus diz que faria falsos pastores que ha daquele que falar se nome em vão sabe tem tanta coisas que eu poderia falar ficaria noite inteira mais não posso porisso termino com apaz do senhor e que deus esteja conosco e nos dando sempre sabedoria abrindo os nossos olhos para as coisas certas

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.