Lula glorificou a Deus em discurso?

Luiz Inacio Lula da Silva - World Economic Forum Annual Meeting Davos 2007
Creative Commons License photo credit: World Economic Forum

Para o Brasil deixar de ser devedor e passar a ser credor internacional, para quem chegou no governo como nós chegamos, que a gente não tinha crédito nem para pagar as nossas importações, eu acredito que nós tenhamos competência, mas precisou de uma ajudazinha de Deus para as coisas darem certo.
Presidente Lula, Fonte: UOL Últimas Notícias

Após ler essa notícia fiquei pensando isso comigo, afinal os evangélicos vivem dizendo que algumas celebridade morreram, a semelhança de Herodes, por não darem glória a Deus.

Sei que somente quem sabe é Deus que conheçe os corações dos homens, mas a minha dúvida é se os evangélicos aceitariam tal hipótese, já que muitos evangélicos vêem Lula com maus olhos.

E se Deus matou aqueles que lhe negaram glória, abençoará mais a este que lhe glorificou?

Algo para se pensar.

Atualização: O João escreveu um texto mais longo sobre o mesmo assunto.

(Visited 37 times, 1 visits today)

7 comentários em “Lula glorificou a Deus em discurso?

  1. Ae mano, diz pra mim:
    Quem é Deus para o Lula Lelé?
    Será o Deus da Bíblia, que não pode ser separado de Suas Palavras e Santidade, ou o deus que é brasileiro e corintiano, sem moral e verdade?
    Este Lula é um ímpio de marca, assim como FHC e todos os outros.
    A Verdade está na Palavra e na Igreja(invisível)!
    Abração!!!!

  2. sabe, eu acho q só da pra saber se pudéssemos olhar no intento do coração dele no momento em q pronunciou tais palavras. Pode ser que ele tenha realmente desejado glorificar a Deus, ou pode ainda ter sido qualquer expressão q utilizou pra expressar algo que não foi feito “humanamente”. De qualquer maneira, vlw o post, devemos orar pelas nossas autoridades. Achei teu blog na comu Blogosfera Cristã, passa no meu tb
    paz de Cristo!

  3. Wagner.

    No caso dos beatles, de Tancredo Neves e do Titanic muita gente foi logo pensando que eles estivessem se referindo ao nosso Deus, como podemos afirmar que realmente Lula não está se referindo a ele?
    Talvez as coisas não sejam tão simplistas assim…

  4. Muito interessante o post, Roberto. Acredito que no caso de Lula há sim um elemento de origem familiar, de criação católica do interior do nordeste {também sou pernambucano}. É por isso que de vez em quando ele fala:”Se Deus quiser…”, “Graças a Deus…”
    Agora, saber se vem automáticamente ou se é uma questão de fé mesmo, fica difícil.
    Fui ler o texto do João que você indicou e, sinceramente, me recuso a acreditar que Deus tenha atitudes tão “vingativas” como as descritas. Por exemplo, no caso dos jovens do acidente de automóvel: se um jovem falou aquilo, porque matar todos?
    Eu acredito que o homem tem que responder pelos atos que comete, mas não aqui nessa vida, nem no céu, nem no inferno – e sim numa nova vida, onde vem colher o que plantou e crescer como ser humano.
    Gostei do blog, já vou assinar o feed.
    Grande abraço.

    Bruno Alves’s last blog post..Arte de Dave McKean para novo livro de Neil Gaiman: The Graveyard Book

  5. Olá Bruno.

    Eu também tenho minhas dúvidas sobre algumas histórias que os evangélicos contam (como as que observou no post do João), afinal a Bíblia diz que Deus nos salvou enquanto ainda erámos seus inimigos, de modo que não sei se ele faria tal ação ou não, apesar das “blasfêmias” que tais pessoas tenham dito.

  6. Eu creio que o nosso presidente a 20 anos atras tinha uma mentalidade a respeito de Deus, mas atraves do passar dos anos,e hoje muito mais esperiente,creio que ele tributa a sua conquista a Deus

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.