A magia do natal e o cristão

Desde pequeno eu sentia um certo friozinho na barriga quando se aproximavam as festas de fim de ano, na infância pensava que tivesse mesmo uma certa magia relacionada a papai noel, Jesus e etc.
Depois que cresci as historinhas foram saindo da minha cabeça mas mesmo assim eu ainda sentia algo diferente na data até que um dia a religião quis demonizar esse sentimento em mim, fazendo com que eu pensasse que devido a não haver papai noel e a Jesus não ter nascido naquela data, o que eu sentia era no mínimo “da carne”.
Eu compreendia o não-significado da data e então pensei que podia passar essas datas como se nada estivesse acontecendo, sozinho.

Engano meu…
A tristeza invadiu minha alma quando vi-me sozinho num mundo onde todos (pelo menos

grande parte) estavam

reunidos festejando, conversando ou se alegrando de uma maneira ou outra.
Pensei, desse momento em diante, que a magia do natal talvez não seja nem cristã nem pagã, apenas ao sentimento que emana nessa época devido a grande união de pessoas em todo mundo.
Grande parte de nós, estando em sã consciência, gostaríamos de estar com alguém nessa datas, mesmo sem ver significado nelas, pois é o natural nessas épocas que as pessoas se reúnam e a gente não quer ser diferente.
Pode ser bobagem minha, mas eu só fui entender esse sentimento quando fiquei sozinho numa data dessas.
Não foi muito bom, por isso agora quero estar sempre com alguém por perto.
Feliz natal e próspero ano novo a todos.

(Visited 22 times, 1 visits today)

4 comentários em “A magia do natal e o cristão

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.