Santa Ceia e comunidade


Olive oil presentationE disse-lhes: Desejei muito comer convosco esta páscoa, antes que padeça; Porque vos digo que não a comerei mais até que ela se cumpra no reino de Deus. Lucas 22:15,16

Fazer refeições juntos, é algo que ajuda na união de pessoas. Podemos pensar que a Santa Ceia, além de propiciar um momento de reflexão acerca do sacrifício de Cristo, também possibilita um momento de maior proximidade da comunidade da fé.

O Novo Testamento incentiva a união da igreja, indo contra a ideia do isolamento, de modo que a Santa Ceia pode ser um instrumento para ajudar no congregar e na interação humana, além das outras atividades que já acontecem em reuniões cristãs (oração, canto, profecia, etc.).

Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia. Hebreus 10:25

E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações. Atos 2:42

No entanto, não podemos inverter as coisas e pensar que alguém tenha que ser obrigado a conviver com uma comunidade com quem não se sente confortável apenas para poder realizar um rito que o faça refletir ou alimentá-lo espiritualmente. Nesse caso, pode ser mais saudável que a pessoa fique sozinha ou num grupo menor até que consiga encontrar um outro grupo com que se dê melhor.

Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão. Gálatas 5:1

Sabemos que Jesus e os apóstolos, embora vivessem normalmente cercados de pessoas, não estavam juntos com qualquer grupo. Isso evidencia que não precisamos estar presos a uma denominação só por precisarmos de companhia, ou  praticar um ritual que não é um fim em si mesmo.

E foram ter com ele no templo cegos e coxos, e curou-os. Vendo, então, os principais dos sacerdotes e os escribas as maravilhas que fazia, e os meninos clamando no templo: Hosana ao Filho de Davi, indignaram-se, e disseram-lhe: Ouves o que estes dizem? E Jesus lhes disse: Sim; nunca lestes: Pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor?

E, deixando-os, saiu da cidade para Betânia, e ali passou a noite. Mateus 21:14-17

Então pegaram em pedras para lhe atirarem; mas Jesus ocultou-se, e saiu do templo, passando pelo meio deles, e assim se retirou. João 8:59

E, como ouviram falar da ressurreição dos mortos, uns escarneciam, e outros diziam: Acerca disso te ouviremos outra vez.E assim Paulo saiu do meio deles. Atos 17:32,33

Não deixe de congregar

Friends 2008 1 bw

photo: Marion Doss

“Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.”  (Hebreus 10 : 25)

“E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.”  (Gênesis 2 : 18)

É um engano achar que quem não se reúne com pessoas da mesma fé não poderá ter uma relacionamento com Deus mas mesmo assim o congregar continua sendo importante.

No Éden, Adão não estava desligado de Deus até encontrar Eva, mas o próprio Senhor declarou que não seria bom o homem se relacionar apenas com Ele, era preciso se relacionar com um ser semelhante.

Congregar tem a ver somente com estar com pessoas, não se congrega para estar próximo de Deus pois isso é algo que deve acontecer a todo momento da nossa vida.

Para congregar não são necessários ritos, lugares ou roupas especiais, somente são necessários pessoas.

Não é preciso um “templo” ou uma “casa de Deus”, no máximo, se a intenção for falar sobre fé, são necessárias algumas pessoas que tenham a mesma fé.

“Não deixeis de congregar” poderia ser traduzido como “Não se isole”.